Acidente Água Animais Campo Acima Cultura Destaque Educação Entretenimento Estado Geral Informática Interior Internacional Itaipava Itapemirim Justiça Meio Ambiente Mundo Nacional Polícia Segurança Sem categoria Sul Capixaba Turismo Vila de Itapemirim

Filhote de baleia minke é encontrado morto em Itapemirim

Prefeitura estuda parceria com ambientalistas para observatório e base de apoio.

Uma baleia minke foi avistada encalhada no final desta última segunda-feira (29) na Praia da Gamboa, em Itaipava, no litoral sul capixaba. O animal foi retirado da água por servidores da Defesa Civil e Salvamar e já na manhã de hoje (30) pesquisadores do Instituto Orca estiveram no local, atendendo um pedido da Secretaria de Defesa Social do município.

Segundo o biólogo ambientalista Lupércio Barbosa, diretor do Instituto Orca, trata-se de um filhote de cerca de um mês de vida que, provavelmente, se perdeu da mãe e acabou morrendo de fome. “Não havia água em seus pulmões” afirmou o especialista, descartando a hipótese de afogamento após concluir a necrópsia.

Não é a primeira vez que uma baleia é encontrada morta nesta região. Segundo o coordenador da Defesa Civil e do Serviço de Busca e Salvamento da Marinha (Salvamar), Ezequiel de Souza, existem outras duas baleias já enterradas em Itapemirim e com este novo caso, uma parceria com o Instituto Orca para exibição de uma réplica da ossada de uma dessas baleias no município, começa a ser idealizada para programas de conscientização ambiental.

Itapemirim é parte da rota de migração de baleias que se destinam a Abrolhos (BA) nesta época do ano para o acasalamento. A atual administração estuda a viabilidade de implantação de um observatório destes animais na ilha dos franceses, ou ainda de uma base de apoio para ambientalistas.