CINCO FATOS CURIOSOS SOBRE A TRAIÇÃO

0
22

Tempo médio na cama e a quantidade de vezes seguidas que o sexo acontece podem indicar se alguém está pulando a cerca.

Que o sexo é o principal fator para uma traição ocorrer, a gente já sabe. Porém uma pesquisa realizada com mais de sete mil usuários no site AshleyMadison.com mostra que a qualidade do sexo entre casais pode indicar traição.
O tempo médio na cama e a quantidade de vezes seguidas que o sexo acontece são grandes indicadores de que alguém está pulando a cerca no relacionamento. Veja cinco curiosidades sobre a traição e compare as diferenças entre o sexo com o amante e o sexo com o parceiro.
1) Tempo médio do sexo
Ao que o estudo indica, os amantes fazem quatro vezes mais sexo acima de 30 minutos do que os casais. Além disso, 91% dos participantes casados transam durante 5 a 10 minutos, enquanto que apenas 45% dos amantes fazem o mesmo.
2) Quantidade de vezes seguidas que o sexo acontece
6% dos entrevistados revelaram fazer sexo até três vezes seguidas com o amante, enquanto só 1% dos casados admitiram chegar a esse número. Mas o baixo desempenho dos compromissados não para por aí: 89% dos mesmos não repetem a dose na cama. E somente 40% dos amantes agem desta forma.
3) Melhor época do ano para pular a cerca
Em geral, a época considerada mais propícia para dar uma escapadinha pelos entrevistados é o inverno, com 39% dos votos. Em segundo lugar vem o verão com 25%, seguido dos que acham que a época do ano é indiferente com 23% dos votos e, por último, nas férias escolares dos filhos com 13%.
4) Estratégia para não ser pego no flagra
O álibi mais usado por quem comete traição é o trabalho. Dos participantes, 39% revelaram que a melhor estratégia é ligar avisando que vai chegar mais tarde por conta do trabalho, enquanto 28% preferem a desculpa de que vão dar uma esticadinha no bar com os amigos, e 33% acham melhor não ligar (seja para não dar bandeira ou porque “não deve satisfação a ninguém”).
5) Melhores lugares para escapar com o amante
O refúgio da maioria dos amantes, sem dúvidas, é o motel. 43% dos entrevistados preferem um lugar discreto, como um motel longe de casa. 35% também gostam de lugares discretos, desde que sejam práticos e de fácil acesso. Por outro lado, o restante prefere lugares movimentados com a condição de serem fora do circuito da parceira, ou simplesmente porque o risco os excita.
Fonte: Yahoo