Homem é assassinado a tiros enquanto voltava para casa na Serra

0
25

742426864-morto-serraNo bolso de Gilmar a perícia da Polícia Civil encontrou uma pedra de crack. Parentes contaram que ele tinha passagem por porte de arma e era usuário de drogas.

Um homem, de 38 anos, foi morto a tiros no bairro Vila Nova de Colares, na Serra, quando voltava par casa. De acordo com testemunhas, Gilmar de Souza Pereira estava em uma bicicleta quando foi surpreendido por dois criminosos.

Segundo parentes, ele havia levado a namorada no ponto de ônibus e voltava para casa. A vítima morava a menos de 50 metros de onde foi assassinada. No bolso de Gilmar a perícia da Polícia Civil encontrou uma pedra de crack.

Testemunhas contaram que, por volta das 5h50 desta quarta-feira (27), dois homens armados e encapuzados aguardavam Gilmar. Quem se aproximava do local era ordenado a sair de perto. Quando ele passou de bicicleta foi executado com dois tiros na cabeça.

Os parentes da vítima contaram que Gilmar já tinha passagem pela Justiça por porte de arma e era usuário de drogas. Eles também não souberam informar se a vítima estava sendo ameaçada. Apenas disseram que apesar do vício, ele não trazia problemas para família.

Gilmar era aposentado por invalidez. Segundo um familiar, ele chegou a trabalhar de eletricista, mas sofreu um acidente e deixou o serviço. Depois disso teria entrado para o mundo das drogas.

Gilmar tinha duas filhas, uma de 15 e outra de 13 anos, mas morava sozinho desde a separação, há dez anos.