Homens com muitas parceiras tem menos chances de ter câncer de próstata

0
27

man-with-five-women-672x372-300x166Aproveitando a campanha do novembro azul, foi divulgada na edição de setembro na revista “Cancer Epidemiology” uma pesquisa realizada entre 2005 e 2009 sobre o câncer de próstata. O estudo foi feito com 3.208 homens diagnosticados com câncer de próstata e 1.618 como grupo de controle (grupos que se submetem a comparação com outros para julgar os resultados; só servem de parâmetro, não são submetidos à intervenção).

E olha só que genial: o resultado indica que homens que já fizeram sexo com ao menos 20 mulheres têm 30% menos probabilidade de desenvolver câncer de próstata. Os que mantém uma vida sexual ativa e variada têm 19% menos chances de desenvolver tipo mais violento de câncer, em relação aos que fazem sexo com apenas 1 parceira.

Em contrapartida, homens virgens tem o dobro de probabilidade de desenvolver câncer de próstata do que os que têm uma vida sexual ativa.como atrair mulheres_como conhecer mulheres_como pegar mulheresIsso acontece porque com um número maior de parceiras o homem ejacula mais, eliminando mais líquido prostático junto ao sêmen e isso faz ele expelir substâncias cancerígenas que poderiam ficar acumuladas na glândula. Além disso, também pode diminuir a aparição de cristais que também estão ligados ao câncer.

No entanto o estudo é negativo para os homens que são passivos.

Notou-se que os que têm mais de 20 parceiros possuem 2 vezes mais chances de desenvolver o câncer de próstata e a probabilidade de câncer agressivos são 5 vezes maiores. Os pesquisadores não chegaram a uma explicação definitiva do porquê, mas acreditam que a prática do sexo anal produz algum trauma físico na próstata.

Mas vale lembrar que isto é resultado de uma pesquisa e não induz ninguém a manter simultaneamente relações sexuais com mais de uma parceira (até porque isso poderia gerar outros problemas) e sim que o volume de transar ao longo da vida, até encontrar a cara metade garantem menor chance de desenvolver a doença.

Independentemente de qualquer risco ou qual grupo você esteja, é interessante saber que comer dez porções de tomate cru por semana, como salada ou suco, por exemplo, reduz em 18% os riscos de câncer de próstata. Isso porque o tomate tem licopeno, um antioxidante poderoso que evita que as células sofram esse processo qde oxidação/envelhecimento que danifica o DNA, evitando que se transformem em câncer.

E ter no mínimo 5 porções de frutas e legumes por dia diminuem em 24% o risco de apresentar doenças no futuro. (Alimentar-se bem faz toda a diferença!)

E se você tem entre 45 – 50 anos não deixe de fazer o exame de toque, muitos homens morrem simplesmente por terem preconceito ou medo do exame.

Cuidem-se também, não é feio e não é falta de masculinidade.