“Insegurança” – Funcionário da Câmara tem casa invadida e furtada em Campo Acima

0
24

b1679150-2e0c-a675A comunidade de Campo Acima está abandonada há muito tempo, além de não ter os serviços de infraestrutura adequada, também vem sofrendo frequentemente com furtos as residências.

Pela segunda vez em pouco mais de dois anos, Evandro de Lima Costa, funcionário da câmara municipal de Itapemirim, que também é Advogado, ontem (09/12), teve sua residência invadida e saqueada por criminosos que estão agindo livremente no bairro. A insegurança é total no bairro, pois não há policiamento e a guarda municipal não faz ronda na localidade e alega falta de efetivo para tal deslocamento.

0000Segundo Evandro, ele foi até Cachoeiro do Itapemirim às 8 horas da manhã acompanhar a esposa para realização de alguns exames, e quando retornou, por volta das 16h30 encontrou sua residência furtada. Imediatamente acionou a polícia e fez um boletim de ocorrência. Segundo o jovem, foi furtado de sua residência os seguintes itens: Um relógio champion feminino, notebook, Dois perfumes masculinos, Uma TV LG 49 polegadas, Um PS4 (vídeo game), Um broche da OAB, Uma mochila e um token da OAB. Evandro fica revoltado quando lembra que os dois furtos a sua residência ocorreram em plena luz do dia. Ele ainda relata que havia uma câmera de segurança na rua que dá acesso a sua residência, mas ao pedir as imagens na secretaria de defesa, foi informado que a câmera não está funcionando.

O jovem casal Evandro e Liviane, dizem que se sente inseguro no bairro e pede providência aos órgãos públicos responsáveis.