Prefeitura garante repasse deR$ 5,5 milhões para pronto socorro do Evangélico de Itapemirim

0
26

O pronto socorro do Hospital Evangélico Litoral Sul, antigo Santa Helena, finalmente retomou seu atendimento. Após reuniões com representantes do Governo do Estado e a direção do hospital, o município de Itapemirim conseguiu fazer com que os atendimentos fossem retomados e, para isso, fará o maior repasse financeiro que o hospital já teve: R$ 5,5 milhões.

De acordo com a prefeitura, no ano de 2016, a administração de Luciano Paiva (Pros), deixou de fazer os repasses para o hospital, deixando mais de R$ 2 milhões em dívidas para a atual gestão, que chegou a encaminhar denúncia sobre o fato ao Ministério Público.

No final do ano passado, a direção do Evangélico chegou a anunciar o fechamento do pronto socorro por falta de recursos financeiros, mas decisão foi cancelada após conversa com a administração municipal.

De acordo com a prefeitura, no ano de 2016, a administração de Luciano Paiva (Pros), deixou de fazer os repasses para o hospital, deixando mais de R$ 2 milhões em dívidas para a atual gestão, que chegou a encaminhar denúncia sobre o fato ao Ministério Público.

No final do ano passado, a direção do Evangélico chegou a anunciar o fechamento do pronto socorro por falta de recursos financeiros, mas decisão foi cancelada após conversa com a administração municipal.

A Prefeitura enviou à Câmara, no mês passado, projeto de lei que autorizou o repasse de recursos públicos, na forma de subvenção social, ao Evangélico, por meio de incentivo de cooperação financeira e custeio, para manutenção do atendimento hospitalar aos munícipes. O valor de R$ 5,5 milhões será repassado em quatro parcelas de R$ 1.375.000,00, a serem transferidas trimestralmente este ano.

“Nós fomos vítimas de muita perseguição política e queriam nos culpar pelo fechamento do pronto socorro. Enquanto isso, trabalhamos muito para fazer com que o atendimento fosse normalizado. Foi uma luta muito grande, mas conseguimos. Eu, enquanto médico, ficava ainda mais triste com essa situação e sofri junto com toda a população. Agora isso acabou e prometo que mais investimentos para esse hospital virão por ai”, afirmou o prefeito em exercício de Itapemirim, Doutor Thiago.