Sem PM nas ruas, Guardas Municipais reforçam segurança no Litoral Sul

0
31
Sem os PMs nas ruas, a Guardas Municipal de Itapemirim tem reforçado a segurança no Litoral, no Centro e no interior. Em Itapemirim, uma média de 15 guardas atuam nas ruas por dia, com seis viaturas. Foto: Marcos Kito

Apenas no município de Piúma não há atuação de guardas municipais.

Com a falta de policiamento nas ruas do Espírito Santo, as guardas civis municipal tem atuado no Litoral Sul para inibir as ações criminosas. Em Presidente Kennedy, Marataízes, Itapemirim e Anchieta, os atendimentos foram intensificados. Apenas em Piúma não há atuação.

Presidente Kennedy

Desde o último sábado (04),  foi registrado um homicídio e uma tentativa de roubo em um banco, de acordo com o Secretário de Segurança de Presidente Kennedy, Elber Almeida. “Estamos com oito homens por dia nas ruas e três viaturas funcionando. Durante a noite há ronda no Centro da cidade para tentar manter a ordem”, explicou.

Ainda de acordo com o Elber, os guardas tem atuado com o apoio da Polícia Civil. Para acionar a Guarda Municipal, basta ligar para os telefones 153 ou (28) 3535-1450 e 3535-1116.

O secretário de segurança de Marataízes Anderson Gouveia, explicou que os agentes estão trabalhando de modo preventivo.

Marataízes

Em Marataízes, foram registrados disparo de arma de fogo na direção da porta do Banestes na madrugada desta terça-feira (07) e tentativa de arrombamento em uma loja. A AMA, onde consultas são agendas, também foi arrombada. Foram levados cinco computadores e um micro-ondas.

O secretário de segurança Anderson Gouveia, explicou que os agentes estão trabalhando de modo preventivo. São 36 guardas e seis viaturas.

“Estamos atuando de acordo com o que a lei nos permite. Estamos fazendo o que a gente pode, pois a situação está caótica e não podemos deixar a população a mercê, sem nada na rua”, disse.

Os chamados podem ser feitos pelo telefone 135.

Itapemirim

Para entrar em conato com a Guarda Municipal de Itapemirim basta ligar para o 153

Em Itapemirim, uma média de 15 guardas atuam nas ruas por dia, com seis viaturas. O secretário de Defesa Social, Lázaro Azevedo, explicou que por causa da paralisação dos policiais militares os agentes têm trabalhado com mais cautela.

“Temos dado maior atenção ao videomonitoramento. Temos recolhido o pessoal a partir das 22h, e eles ficam observando os vídeos. Durante o dia há ronda no litoral, na sede e nos patrimônios públicos. Trabalhamos com a prevenção”, contou.

Segundo o Secretário de Segurança de Itapemirim, Sr. Lázaro Contreiro Azevedo desde o inicio da paralisação da PM, foi registrado tentativa de arrombamento da Boticário, um assalto a residência, um arrombamento e dois tiroteio no litoral. O vídeo monitoramento de Itapemirim conseguiu imagens dos criminosos que efetuaram os disparos e levarão as autoridades competentes para a averiguação. Temos conseguido manter a tranquilidade. Estamos em numero grande para suprir essas carências”, explicou.

Para entrar em conato com a Guarda Municipal basta ligar para o 153.

Anchieta

Uma arma de brinquedo foi apreendida em Anchieta

O gerente municipal de segurança, Leonardo Abrantes, garante que todos os dias a Guarda Municipal tem atendido ocorrências em Anchieta. O efetivo total é de 80 agentes, mas 18 atuam por dia, em quatro viaturas.

“O expediente administrativo foi suspenso para os guardas irem para as ruas e priorizarem o atendimento operacional. Desde sábado os trabalhos se redobraram atendendo assaltos, roubo a veículo, prisão de pessoas com moto sem placa e apreensão de arma falsa. Ontem (segunda) foi preso um homem furtando uma residencia”, disse.

Leonardo disse também que um jovem foi baleado durante a madrugada, e a segurança do Hospital Municipal foi reforçada para garantir o atendimento dos serviços de saúde.